Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Mapa capacita 117 servidores no curso PAR

Notícias

Mapa capacita 117 servidores no curso PAR

publicado: 27/05/2019 15h49 última modificação: 27/05/2019 15h51

 

PAR Noticias

 

 

Na última segunda-feira (15/05), a Enagro, em parceria com a Corregedoria-Geral do MAPA, deu início ao curso de Responsabilização Administrativa de Pessoa Jurídica – PAR, com duração de três dias, ministrado pelo instrutor Wesley Almeida Ferreira (CGU). O evento ocorreu em Brasília-DF com transmissão ao vivo e foram certificados 117 participantes, sendo 64 servidores lotados nas unidades descentralizadas.

 "Parabenizo toda a equipe da ENAGRO e da CGTI que, em parceria inédita com esta Corregedoria-Geral, possibilitaram um treinamento nacional de alto nível, abordando os aspectos mais recentes à Responsabilização de Empresas, no âmbito da Lei Anticorrupção (Lei nº 12.846/2013). Agradeço também à parceria com a CGU, que se dispôs a reformular todo o conteúdo didático, tornando-o muito mais prático e voltado à condução efetiva dos apuratórios.

 Não poderia deixar de agradecer também ao time da Corregedoria-Geral, que se empenhou no planejamento e na formulação de módulos específicos que perfizeram 4h30min, revelando as peculiaridades da marcha processual, dos requisitos das peças processuais e dos recursos tecnológicos atualmente utilizados pelo Ministério na condução dos processos.

 Por fim, vale destacar a economia de recursos públicos na realização do referido curso. Capacitamos 117 servidores com o custo quase zero. Explico: se trouxéssemos todos os 64 (sessenta e quatro) agentes públicos para Brasília, a Administração arcaria com aproximadamente R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais), entre diárias e passagens. Nesta nova metodologia, o custo foi aproximadamente zero.

 Fica, então, a sugestão para que todas as áreas do Ministério passem a utilizar, quando possível, o sistema de videoconferência e a sala virtual do MAPA, que pode ser acessada inclusive por meio do celular, através do aplicativo scopia mobile, criptografado pela área de Informática. A Corregedoria-Geral utilizará, tanto para os novos cursos quanto para a condução dos processos correcionais, os recursos tecnológicos disponíveis na Pasta, com o foco de custo zero para a execução dos trabalhos”, relatou o Corregedor-Geral Nélio Macabu".

 

registrado em: ,